Social

Moradores plantam hortas comunitárias e têm alimentos de graça em cidade da Ingalterra

Muito bacana essa experiência dos moradores de Todmorden, uma cidadezinha de apenas 17 mil habitantes localizada no oeste da Inglaterra.

Há cinco anos, eles plantam hortaliças e legumes nos espaços vazios da cidade e hoje todo mundo pode colher e comer de graça os produtos de uma dessas 40 hortas comunitárias.

A ideia veio à tona quando seis moradores se reuniram num café para discutir formas de melhorar a vida social em Todmorden.

Eles começaram a instalar caixotes na frente das próprias casas para dar início à plantação urbana.

Depois, procuraram os espaços oficiais vazios, como o quintal da delegacia de polícia, áreas não usadas da estação de trem e o pequeno jardim do posto de saúde.

“Não fazemos isso porque estamos entediados, mas porque queremos dar início a uma revolução”, disse Pam Warhurst, uma das fundadoras do projeto, em palestra no TED London Salon, evento para divulgação de boas ideias.

E revoluncionaram mesmo, com os moradores promovendo feiras de produtos orgânicos na cidade e os vizinhos melhorando suas relações sociais.

“As pessoas querem ações positivas nas quais possam se engajar e, bem no fundo, sabem que chegou a hora de assumir responsabilidades e investir em mais gentileza com o outro e com o meio ambiente”, completou Warhurst.

O legal dessa história é que as hortaliças e os legumes produzidos na cidade são livres de agrotóxicos e pesticidas, venenos que consumimos todos os dias com os vegetais convencionais que compramos nas feiras e supermercados.

Hortas urbanas e comunitárias se espalham hoje pelo mundo, com unidades em tudo o que é lugar, de tetos de prédios público e residenciais a canteiros de vias movimentadas, como a Avenida Paulista, em São Paulo.

A experiência de Todmodern é só um exemplo, mas que exemplo.

A próxima ideia dos moradores é fazer granjas comunitárias para que todos possam colher os ovos de galinha também de graça e sem o hormônio usado pelos grandes produtores.

Veja abaixo o vídeo (em inglês) que o jornal britânico The Guardian fez sobre as hortas comunitárias dessa pequena grande cidade inglesa.

Por Antônio Martins Neto

Editor do Blog Mundo Possível



Comments 1

  1. […] experiência dos moradores da Vila Nova Esperança lembra à da cidade de Tordmorden, no interior da Inglaterra, contada aqui no Blog Mundo […]

    Responder

Leave a Reply