Ideias

Casa Amarela abre espaço para ciclistas neste domingo e exige implantação de ciclofrescas

A Pastoral da Saúde Nordeste II e os moradores de Casa Amarela, o bairro mais populoso do Recife, fazem neste domingo (10) um passeio ciclístico para chamar a atenção da população sobre a importâncias das ciclovias.

A concentração será no Sítio da Trindade, a partir das 7h30 da manhã. Os ciclistas vão percorrer um trajeto de 7,1Km pelas principais ruas ao redor do Arraial Velho do Bom Jesus, povoado que deu origem ao bairro de Casa Amarela.

O passeio é uma das primeiras ações do projeto Comunidade Saudável e Sustentável, lançado em 22 de março de 2012, Dia Mundial da Água, pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saborido. A meta do projeto é tornar Casa Amarela o primeiro bairro sustentável do Recife até 2014.

O modelo de ciclovia defendido pelos organizadores do movimento é o das Ciclofrescas, criado pelo escritório de arquitetura César Barros e apresentado em reportagens da Revista de Arquitetura e Urbanismo, que concedeu um prêmio ao projeto, e do JCOnline (clique aqui para ler a matéria).

O projeto das ciclofrescas propõe a delimitação de faixas exclusivas para bicicletas sombreadas com árvores para proteger os ciclistas dos raios solares, cuja incidência é um dos principais argumentos usados por aqueles que resistem a adotar a bicicleta como meio de transporte.

Os arquitetos definiram cinco rotas que permitem a interligação de sete cidades da Região Metropolitana: Recife, Olinda, Paulista, Abreu e Lima, São Lourenço da Mata, Camaragibe e Jaboatão dos Guararapes.

São 105 km de ciclovias sombreadas por mudas adultas que, segundo os projetistas, podem ser fornecidas pelas sementeiras de Recife e Olinda. Estima-se que a delimitação das faixas para bicicletas e a plantação das mudas custem 1,5 milhão de reais.

“É humanizar a cidade a apartir do modal da bicicleta”, define César Barros.

Para entender até que ponto a população sente a necessidade de ciclovias na cidade, os organizadores do passeio vão um aplicar um questionário a quem for até o Sítio da Trindade.

Já quem ficar até o final do evento vai poder participar do sorteio de uma bicicleta novinha em folha doada à Pastoral da Saúde pela agência do Banco do Brasil de Casa Amarela.

Se você não conseguir participar do passeio, não se preocupe. Vamos cobrir o evento em tempo real. É só seguir o perfil antoniomartinsneto no Instagram, @mundopossivel no Twitter e antoniomartinsneto no Facebook.

Por Antônio Martins Neto

Editor do Blog Mundo Possível


Leave a Reply